Especial, Mistérios

Descendentes – A Verdadeira História (Creepypasta)

Descendentes – A Verdadeira História (Creepypasta)

Hoje decidi trazer algo diferente aqui para vocês. Antigamente, quando eu costumava escrever aqui pro TriCurioso eu trazia muitas creepypastas e hoje, decidi fazer o mesmo. Fique com essa creepypasta aterrorizante sobre Descendentes que eu encontrei pelas partes mais sombrias da internet…

Caneca para Presente

Havia acabado de me formar em Publicidade, estava animada com as oportunidades que estavam surgindo, entre elas estava a proposta de emprego no Disney Channel, aquilo me deixou muito feliz, aliás quem não sonha em trabalhar num lugar como aquele? Sem pensar duas vezes, aceitei a proposta e comecei a trabalhar já no dia seguinte… Estava animada, a Disney havia acabado de gravar e editar Descendentes, um novo filme que iria lançar no canal… Eu fui encarregada de conseguir anúncios para o filme, foi aí que pedi ao meu chefe para dar uma olhadinha no longa, para ajudar na minha pesquisa por empresas, ele ficou preocupado, mas o que podia dar errado? aliás é só mais um filme.

Então foi aí que me direcionei à sala onde estava a única cópia do filme, sentei na cadeira e dei play, eu estava sozinha na sala, era tarde, estava um pouco frio… o filme começava com a imagem da ilha dos perdidos, vozes dos vilões podiam ser escutadas.

Malevola: Temos que dar um jeito de nossos filhos irem para Auradon

Rainha Má: Sim, é uma ótima ideia

A cena corta para uma tela preta, essa tela preta fica por mais ou menos 10 segundos, quando de repente escutamos Carlos gritando com um dos guardas de Auradon.

Carlos: NÃO, EU NÃO QUERO IR… MAMÃE, ME AJUDE!

GUARDA: Venha comigo, vai ser melhor para você e seus amigos.

Depois disso, a tela continuou preta, só pude ouvir a porta de um carro batendo, estava assustador, mas continuei.

A tela preta finalmente saí, a cena está em Auradon, a Bela, mãe de Ben aparece, sem o filho, para receber os novos moradores de Auradon, o carro finalmente chega ao castelo, Mal, Evie, Carlos e Jay saem do automóvel sem falar nada, Bela os cumprimenta de longe… Ela mostra onde fica os quartos deles… era um local bonito, com janelas lindas, mas uma coisa chamava a atenção, existia cadeados enormes nas janelas, o que impossibilitava de serem abertas. Já era noite em Auradon, o quarteto parecia planejar algo, estavam sentados em circulo, olhando para baixo com as mãos no joelho, era uma cena assustadora para um filme infantil… Jay olha o horário e diz:

Jay: São 03:00 da manhã, chegou a hora… CHEGOU A HORA

Caneca para Presente

Juntos, o quarteto começa a gritar: CHEGOU A HORA, CHEGOU A HORA…

Estava muito assustada, mas continuei, estava curiosa para ver o que acontecia, Evie então abre a porta do quarto e sai, logo depois Carlos, Jay e Mal saem do quarto também, eles estavam com os olhos vermelhos, naquele momento já estava com muito medo, a cena é cortada novamente para uma tela preta, só conseguia escutar ruídos, eles não pareciam estar juntos, já que escutava apenas uma pessoa andando… Os ruídos pararam, quando de repente alguém grita desesperadamente por socorro e uma cena do chão cheio de sangue aparece… Lá estava, segurando uma marreta e logo a gente dela se podia ver um corpo, completamente destruído… Carlos chega, olha para o corpo e pega a marreta das mãos de mal. Ao empunhar a arma, Carlos a levanta e dá mais um golpe no corpo, dessa vez na cabeça. Logo depois só pude ouvir uma garota sussurrando: VIDA LONGA AO MAL!

A cena corta, está de manhã, e Bela está conversando com o marido enfrente ao castelo

Bela: Sabia que não era bom trazer esses quatro para cá, agora como vamos explicar para a Cinderela?

Fera: Eu não sei, não é fácil perder alguém, ainda mais como o Chad.

A câmera se distancia e podemos ver uma placa na entrada de Auradon, estava escrita: Auradon: Instituto para crianças com problemas psicológicos e logo à frente pude ver as roupas de Mal, Evie, Carlos e Jay sujas de sangue, a câmera sobe e uma frase aparece na tela: Vida Longa ao Mal, seguido de sangue escorrendo pela tela.

O filme acaba sem créditos, nunca realmente fiquei sabendo o que de fato havia acontecido, não sei o que aconteceu com Ben, que segundo o roteiro era filho de Bela e a Fera, mas uma coisa eu tenho certeza: Nunca mais verei o filme Descendentes com os mesmos olhos.

Mas e aí, o que achou dessa história de terror? Comente logo abaixo e não se esqueça de compartilhar!

Você também pode gostar de