Conecte-se conosco

Oi, o que você está procurando?

Curiosidades

Você precisa conhecer essas gírias nordestinas!

gírias nordestinas

O Brasil é um país muito grande, continental, como muitos dizem. E, portanto, as diferenças de vocabulário são muito grandes dependendo da cidade, estado e região que você se encontre. Muitas coisas podem ser muito comuns para alguém do Rio de Janeiro, mas na Paraíba podem não fazer sentido algum, e vice-versa. E se existe uma cultura muito rica em vocabulário diferente, é a cultura nordestina. Oh povo criativo a gente é pra criar expressões e vocabulários novos. Então sente aí, não se “avexe” e confira algumas das mais populares gírias nordestinas!

8 Gírias Nordestinas Para Você Conhecer

Gírias Nordestinas

  • “Dar o Migué”

Em vários lugares do Nordeste você pode ouvir a gíria “Dar o migué”. Se você nunca ouviu isso na sua vida, provavelmente não está fazendo o menor sentido para você. Mas, calma, que é bem simples. Quando alguém deu o migué, significa nada mais, nada menos que ela enganou alguém, enrolou alguém até convencê-la de algo.

Exemplo: “Aquele carro que eu comprei é horrível. Aquele vendedor deu foi um migué em mim.”

  • “Aí Dento”

Essa é outra bastante conhecida na região Nordeste inteira. Foi bastante reconhecida pelo resto do Brasil no ano de 2018 durante as eleições quando o candidato Ciro Gomes estava dando uma entrevista e alguém gritou o nome de outro candidato rival. Neste momento, Ciro gritou “Aí dento”.  Mas o que isso significaria? Simples também, é o mesmo que mandar alguém se ferrar, se danar e sinônimos.

Exemplo: “Ei, tu colou naquela prova de ontem, num foi?” “Eu não! Aí dento!”

Independente de sua posição política, assista o vídeo para ver a forma com a qual a expressão é dita. O que importa aqui é a gíria utilizada e não o conteúdo do vídeo!

Propaganda. Role para continuar lendo.
  • “Iapois?”

“Iapois” é uma palavra bastante estranha à primeira vista, eu sei. Mas o significado dela é bastante simples. É uma pergunta feita para afirmar algo que foi escutado. Então, não é bem uma pergunta, mas é dita com a tonalidade de uma pergunta.

Exemplo: “Ela tava na festa contigo ontem, rapaz!” “Iapois?”

  • “Morgar”

Mais uma das gírias nordestinas mais conhecidas por toda a região. O verbo “morgar” quer dizer que algo ficou desanimado, parado, morto. É bastante usada também quando algum amigo chega e, para brincar com ele, diz-se que sua chegada “morgou” o lugar.

Exemplo: “A festa tava muito boa, mas quando ela chegou morgou pra mim.”

  • “Apombaiado”

“Apombaiado” é uma das diversas gírias nordestinas usadas como xingamento. Contudo, ela é mais comum no estado da Paraíba. Seu significado seria alguém desligado, distraído, lento das ideias.

Exemplo: “Deixe de ser apombaiado que eu já te expliquei isso um monte de vezes!”

  • “Avexar”

Pois é, mais um verbo muito usado, principalmente na paraíba. Este verbo também é usado na forma de adjetivo como “avexado ou avexada”. Seu significado também é bastante simples. Esta é uma gíria utilizada para se referir à pressa. Se alguém está apressado, está avexado para o nordestino. Tem até um forrozinho bom demais que põe na letra a famosa frase “se avexe não…”. 

Exemplo: “Se avexe, menino, que eu tenho hora!”

Propaganda. Role para continuar lendo.
  • “Mangar”

Agora vamos trazer um combo com três gírias nordestinas que são muito difundidas e utilizadas no estado do Rio Grande do Norte. Vamos começar com o verbo “mangar”. Ao ouvi-lo, eu tenho certeza que você tentou conectá-lo à fruta manga. Mas não tem nada a ver com ela não. “Mangar” é o mesmo que zombar, zoar, tirar sarro.

Exemplo: “Mãe, lá na rua os meninos tão tudo mangando de mim porque eu sou baixinho.”

  • “Arengar”

Eita que a quantidade de verbo nessas gírias nordestinas só aumenta! Vamos agora para o “arengar”. O que seria isso? Pois é, pode até parecer difícil, mas não é! Quando alguém está brigando, discutindo, reclamando um com outro, diz-se que estão “arengando”. É muito usada para referir-se a brigas de crianças.

Exemplo: “Deixe de arengar com o seu irmão! Ele é muito mais novo que você!”

  • “Buliçoso”

No Rio Grande do Norte existe muita criança “buliçosa”. Mas, eu imagino que, caso você não seja das proximidades, não consiga ter ideia do que isso significa. Bom, uma criança “buliçosa” é uma criança que não importa onde vá, fica querendo mexer em tudo que vê pela frente.

Exemplo: “Esse seu filho é muito buliçoso, não para de mexer nos quadros da sala!”

Mas e você? Curtiu essas explicações sobre as gírias nordestinas? Conhece mais alguma? Então conta pra a gente aí embaixo!

Propaganda. Role para continuar lendo.

Leia Mais

Curiosidades

É bem provável que você já tenha assistido a vários documentários da vida selvagem. Em sua grande maioria, esses programas trazem uma combinação de...

Curiosidades

O mar sempre aparentou ser um ambiente hostil para a vida humana. Tragédias como a do Titanic exemplificam muito bem o quão facilmente vidas...

Curiosidades

Para que um local receba o título de “país” é necessário que ele possua fronteiras definidas, se sustente economicamente, tenha soberania nacional, além de...

Curiosidades

O papel higiênico é uma daquelas coisas indispensáveis dos tempos modernos, pelo menos no mundo ocidental. Hoje em dia, viver sem esse item pode...

Mistérios

As lendas urbanas são quase que tradicionais em todas as cidades, afinal é muito difícil alguma região não ter uma história bizarra para se...

Curiosidades

Quando se fala nos Estados Unidos, coisas como as movimentadas avenidas de Nova York e as ensolaradas praias de Miami surgem constantemente em nossas...

Curiosidades

Estamos acostumados a ouvir falar de diversas criaturas mitológicas, inclusive boa parte delas já foram mencionadas em diversos livros. Além disso, já vimos algumas...

Curiosidades

O modo escuro é provavelmente um dos recursos mais populares da interface dos aparelhos eletrônicos atuais. Desde aplicativos a sistemas operacionais de celulares e...