Curiosidades

Por que capacetes faziam parte do uniforme dos Pilotos Kamikazes?

Sem nenhuma brincadeira ou ironia hoje porque o assunto é sério. Para quem não sabe, os pilotos Kamikazes eram japoneses que assumiam missões suicidas por seu país durante a Segunda Guerra Mundia. Durante o ataque à Perl Harbor (1941) os japoneses eram os detentores da mais avançada tecnologia da época quando o assunto era ataque aéreo.

Porém, em 1944 os Estados Unidos já estavam mais desenvolvidos e tinham total capacidade de abater qualquer avião japonês. Para solucionar este problema em 25 de outubro de 1944 foi enviado o primeiro piloto-suicida sob as ordens de Takijiro Onishi. O escolhido foi Yukio Seki e o mesmo liderou a operação que atingiu o porta-aviões dos Estados Unidos USS St. Lo. onde 140 soldados dos EUA faleceram. Em entrevista antes da missão, Yukio Seki disse que cumpria ordens do Império e que suas ações tinham como objetivo honrar sua esposa. Ele dizia que sabia da possibilidade de sua esposa sofrer nas mãos dos Estados Unidos em função da Guerra e o fez para protege-la.

Tendo em vista suas missões, por que eles precisavam de capacete? Acontece que este acessório não tinha como objetivo salvar o piloto em um aqueda, mas sim proteger do frio e também sua audição já que, em geral, estes pilotos precisavam pilotar com as capotas abertas para auxiliar na visibilidade. Além disso, também protegia o piloto em manobras de alta velocidade e era importante como suporte para os rádios auriculares utilizados. Muitas vezes era necessário abortar a missão quando já estava em execução, então era necessário receber as informações corretamente e também se proteger dos tiros. Você já sabia dessa informação? Comente!

Participe! Deixe seu comentário...

Hospedagem de Sites e Blogs

Você também pode gostar de