Curiosidades

Por que a Bíblia é sempre impressa com o texto em duas colunas?

A prática de usar duas colunas em textos compactos remonta, pelo menos, ao século XV, que por sua vez era apenas uma continuação de uma antiga tradição dos pergaminhos abertos horizontalmente. Foi assim com a Bíblia de Gutenberg (o primeiro grande livro impresso) e continua sendo com o a Bíblia atual, que ainda é impressa desta maneira.

Em parte, isso acontece simplesmente por causa da tradição, como mencionado no primeiro parágrafo desse post. Os textos bíblicos copiaram o mesmo modelo de formatação dos antigos pergaminhos que eram abertos na posição horizontal. Hoje, as pessoas já esperam encontrar as Bíblias com duas colunas e não conseguem imagina-la utilizando qualquer outro layout. Talvez essa seja a principal razão da continuação do uso desse tipo de impressão.

Tudo começou com os antigos pergaminhos.

Mas há algo a mais nessa escolha de formatação do que apenas tradição. A decisão de como formatar um livro depende muito de como esse exemplar deve ser lido. O formato de coluna única e com fontes maiores, como em um romance, limita as distrações e cria um fluxo de texto legível, permitindo que o indivíduo leia uma história do começo ao fim com fadiga limitada. Por outro lado, livros de referência, como dicionários e enciclopédias, dividem o texto usando várias colunas, fornecendo anotações e uma estrutura de numeração. Isso ajuda a melhorar a eficiência ao usar o livro para procurar tópicos específicos.

É evidente que o esquema padrão de duas colunas da Bíblia se assemelha mais aos livros de referência do que os romances. A abordagem de duas colunas permitiu identificar mais facilmente cada verso numerado. Além disso, algumas Bíblias também contêm guias de referência página a página, permitindo que os leitores pulem o texto para encontrar passagens semelhantes que poderiam ajudá-los a obter uma compreensão mais profunda da leitura do versículo original.

Texto dividido em versículos contribui para uma melhor leitura.

Por último, existe também a questão do tamanho do livro. A Bíblia é uma compilação massiva de textos, com milhares de palavras. Para reduzir o número de páginas necessárias, é usado um tipo de fonte bem menor se comparado aos outros tipos de livros. Embora isso reduza significativamente o número de páginas que precisam ser encadernadas, também dificulta a leitura. Para contornar este problema, como acontece com a maioria dos livros de referência, o texto é simplesmente dividido em duas colunas, facilitando a compreensão, apesar do tamanho minúsculo das letras.

Interessante, não é mesmo? Compartilhe essa postagem e deixe o seu comentário! 😀

Leia Também: