Bizarro, Curiosidades

Os 5 planetas mais estranhos do universo

Todos os dias, astrônomos examinam o universo em busca de novos planetas, estrelas e corpos celestes dispersos pelas galáxias. Apesar de encontrarmos toneladas de novos planetas a cada ano, muitos deles são apenas pedaços frios de rocha orbitando estrelas distantes e desconhecidas.

No entanto, algumas vezes é encontrado algum planeta que é bizarro o suficiente para deixar até mesmo o mais experiente astrofísico boquiaberto. Confira abaixo alguns exemplos e você entenderá do que eu estou falando.

5. O planeta da escuridão total

O TrES-2b é o exoplaneta mais escuro já encontrado, refletindo menos de 1% da luz que o atinge. Isso é mais escuro do que o uso de uma tinta acrílica preta em uma superfície, por exemplo. Sua descoberta foi um verdadeiro golpe de sorte, já que encontrar um planeta tão escuro quanto esse não é tarefa fácil, mesmo com toda a tecnologia disponível atualmente. Isso levanta uma questão importante: quantos planetas deixamos de descobrir devido à falta de luz? Com certeza ainda existem vários desse tipo pelo universo.

4. O planeta que chove vidro

Um dos exoplanetas mais interessantes dessa lista, o HD 189733b, que está a 63 anos-luz de distância, tem constantes chuvas de vidro. Sim, você leu direito. Sua atmosfera carregada de sílica faz com que as nuvens do planeta derramem vidro derretido, que por sua vez endurece ao cair. Os ventos do HD 189733b empurram os vidros a velocidades tão fortes que os fragmentos voam pelo ar horizontalmente, cortando tudo pelo seu caminho. Imagine ficar preso numa tempestade dessa!

3. O planeta de lava

A cerca de 560 anos-luz da Terra, o Kepler-10b foi o primeiro planeta rochoso encontrado fora do nosso sistema solar, marcando o primeiro passo da humanidade em direção a um futuro de exploração espacial. O fato mais interessante sobre esse planeta é que acredita-se que sua superfície seja coberta por oceanos de lava. A explicação provavelmente esteja relacionada a sua temperatura, que pode chegar até 1.400 graus Celsius. Como resultado, as rochas na superfície derretem, acumulando-se em grandes áreas e causando enormes oceanos de lava espalhados pela pequena superfície.

2. O planeta geladão

O OGLE-2016-BLG-1195Lb é um planeta gelado que pode ser encontrado a incríveis 13.000 anos-luz do nosso sistema solar. Suas temperaturas giram em torno de -220 graus Celsius e é por isso que às vezes é chamado de “bola de gelo”. Todo o gelo do OGLE-2016-BLG-1195Lb é considerado água doce. Embora isso seja bom, é improvável que consigamos usar essa água em um futuro previsível. Levaria 13 mil anos para chegar a esse planeta viajando na velocidade da luz. Melhor deixar essa tarefa para uma raça alienígena mais avançada.

1. O planeta diamante

O PSR J1719-1438 b é um planeta feito de puro diamante! Devido à imensa pressão causada pela atração gravitacional do planeta, o carbono do local foi condensado, formando assim um gigantesco diamante. O PSR J1719-1438 b possui um diâmetro aproximadamente cinco vezes maior que o da Terra e pode ser encontrado a cerca de 4.000 anos-luz do nosso sistema solar.

Incríveis estes planetas, não acha? Comente!

Participe! Deixe seu comentário...

Você também pode gostar de