Curiosidades

Qual é a origem do ukulele?

O ukulele é um instrumento musical de origens havaianas que geralmente possui 4 cordas feitas de algum material sintético, como o nylon. Apesar de algumas divergências sobre a origem de seu nome, acredita-se que ukulele significa “pulga saltitante” no idioma havaiano devido ao movimento ágil das mãos de quem o toca. Agora que você já sabe porque ele é chamado assim, que tal conhecer um pouco mais sobre a origem desse simpático instrumento?

No dia 23 de agosto de 1879, um navio chamado Crag Raven chegava a Honolulu, vindo da Ilha da Madeira, Portugal. Naquele navio estava um homem chamado Manuel Nunes que desembarcava no Havaí com seus amigos para trabalhar nas plantações de cana-de-açúcar locais. No entanto, ele logo viria a ser um dos responsáveis pelo desenvolvimento do ukulele junto de seu amigo João Fernandes, baseado em um instrumento nativo português chamado braguinha.

Quando os portugueses desembarcaram no Havaí, eles passaram a tocar várias músicas populares na braguinha, o que fez os nativos imediatamente se apaixonarem pelo pequeno instrumento musical e passarem a produzir uma versão local com materiais comuns do lugar. Em 1915, o ukulele atingia a América do Norte através da primeira aparição na Exposição Internacional Panamá-Pacífico, em San Francisco. A exposição foi um enorme sucesso e uma febre de ukulele logo atingiu o continente. Nessa época, o instrumento se tornou muito popular entre jovens músicos amadores, já que era relativamente fácil de se aprender e ter um preço bastante acessível.

Tamanhos e modelos diferentes não faltam.

O ukulele é um instrumento normalmente feito de madeira, mas é muito fácil encontrar versões produzidas de plástico e outros materiais mais baratos. Os tamanhos de ukulele mais comuns são quatro: soprano, concert, tenor e barítono. O soprano é o mais popular e possui o tamanho original da sua concepção. No entanto, eu particularmente prefiro o concert, pois assim como o tenor, possui um som menos agudo e é um pouco maior que o soprano, o que facilita na hora de manuseá-lo. O barítono é o tipo que produz o som mais grave, muitas vezes chegando a lembrar um violão comum.

Durante os anos de guerra o interesse no ukulele caiu, até voltar a crescer no início dos anos 90. Talvez o maior responsável pelo retorno da popularidade do instrumento foi o músico havaiano Israel Kamakawiwo’ole, que praticamente transformou sua versão de “Somewhere Over The Rainbow no “hino” do ukulele. Infelizmente, Israel faleceu precocemente em 1997, devido a problemas de saúde relacionados com sua obesidade.

Israel Kamakawiwo’ole.

Atualmente, o ukulelista e compositor havaiano Jake Shimabukuro é o grande nome do ukulele, atraindo um número considerável de admiradores em suas apresentações. Shimabukuro também tem aproveitado seu sucesso para lançar vários livros e discos, pelos quais já recebeu várias premiações.

Você já conhecia o ukulele? Deixe o seu comentário! 😀

Você também pode gostar de