Curiosidades

Conheça o maior cemitério de pneus do mundo

Conheça o maior cemitério de pneus do mundo

Um pneu de carro pode rodar (em média) cerca de 30 mil quilômetros antes de precisar ser trocado. Hoje em dia, boa parte dos pneus que chegam ao fim de sua vida útil são geralmente reciclados. Mas no Kuwait, eles são despejados em um dos maiores aterros na área de Sulaibiya, perto da Cidade do Kuwait, capital do país. Todos os anos, buracos gigantescos são escavados no meio do deserto e são preenchidos de pneus velhos. Já existem mais de sete milhões deles por lá!

Os pneus não chegam apenas do Kuwait, mas também de outros países. Índia, Paquistão e China são os principais “clientes” estrangeiros desse cemitério peculiar. Quatro empresas são atualmente encarregadas do descarte das borrachas. A extensão do aterro é tão vasta que já é visível até do espaço.

Imagem do lugar vista de satélite.

O descarte de pneus está entre as mais problemáticas fontes de desperdício devido ao grande volume produzido, dificuldade de decomposição e ao fato de conterem vários componentes que causam danos ambientais. Durante as décadas de 1980 e 1990, 259 milhões desses artefatos de borracha foram descartados anualmente. Entre 2000-2001, os Estados Unidos e os países da União Europeia eliminaram 5 milhões de toneladas de pneus, o que seria equivalente a um pneu de um carro popular por pessoa.

Materiais produzidos a partir de pneus reciclados são usados ​​para várias coisas, incluindo playground infantil, pistas de atletismo, combustível para fornos de cimento e carpetes. Pneus também podem ser utilmente reciclados e utilizados como barreiras de inundações. Além disso, se os resíduos estiverem relativamente em boas condições, eles podem ser reformados e colocados de volta na estrada através de processos de remodelagem.

Mas os aterros, incluindo esse gigantesco no Kuwait, são provavelmente o pior fim para os pneus, pois acabam ocupando um grande espaço. As borrachas também podem produzir gás metano, que representa sérios riscos de incêndio. De fato, os surtos de incêndios em aterros desse tipo são ocorrências cada vez mais comuns. Por isso, quando trocar o pneu do seu automóvel, procure descartá-lo de uma forma ecológica. O meio ambiente em geral agradece!

Incrível a quantidade de pneus nesse lugar, não é mesmo? Deixe o seu comentário!

Leia Também: