Curiosidades

The Voice: confira algumas curiosidades sobre o show de talentos

The Voice: confira algumas curiosidades sobre o show de talentos

The Voice é uma franquia de reality shows no estilo “show de talentos” que possui versões produzidas em mais de 40 países. Esses programas têm alcançado um enorme sucesso mundial, sendo que boa parte desse triunfo se dá pela presença de grandes nomes da música que servem como técnicos.

Com características bem inovadoras que incluem a famosa cadeira giratória e a popularização das “audições às cegas”, o The Voice logo conquistou a audiência que já era acostumada com títulos parecidos, como o lendário American Idol e mesmo que seja um fã incondicional do The Voice, aposto que você não conhecia a maioria desses fatos curiosos que rolam por trás dos bastidores. Confira:

1. Antes do início de uma nova temporada, os produtores do programa contatam os agentes dos artistas individualmente para recrutá-los, além das inscrições feitas pelos próprios concorrentes no site. Então, embora eles estejam sendo testados pelos técnicos pela primeira vez, eles já foram ouvidos por membros da produção e foram cuidadosamente selecionados antes de cada temporada.

2. A maioria dos contratos de várias versões internacionais declaram que, ao assinar a participação no programa, os participantes podem ser ridicularizados e julgados publicamente. Embora geralmente isso não aconteça na versão brasileira, a “humilhação” ocorre com uma certa frequência no exterior.

3. Cada versão emprega cerca de 600 funcionários para produzir o reality. Além disso, um show ao vivo usa mais de 1.900 luzes! Imagine o tamanho da conta de energia…

4. Quando os técnicos pressionam o botão vermelho e se viram, a cadeira não produz aquele som “whoosh”. Esse efeito sonoro é adicionado ao vídeo na fase de pós-produção.

5. O The Voice possui um exigente cronograma de filmagens a ser seguido, além de várias sessões de prática. Por causa disso, vários participante já afirmaram que é extremamente difícil manter relacionamentos e empregos durante esse período.

6. Os técnicos são cantores famosos com carreiras muito ocupadas fora do “mundo The Voice”. Como resultado, eles nem sempre têm tempo para ficar super envolvidos com o progresso de seus cantores.

7. No entanto, os técnicos ficam disponíveis praticamente 24 horas ainda que à distância para tirar dúvidas dos seus cantores.

8. A versão original do talent show é o The Voice Holanda. Depois de ver o sucesso da versão holandesa, muitos países decidiram comprar os direitos para produzir suas próprias versões.

9. Os participantes geralmente só escolhem a música da primeira fase. Nas outras, os técnicos escolhem as canções de acordo com o alcance vocal de cada cantor.

10. Os participantes são obrigados a passar por exames psicológicos regulares. Isso é muito importante para lidar com possíveis sinais de estresse causados pela pressão da presença no palco e uma possível eliminação.

11. Você pode até pensar que o The Voice é uma ótima plataforma para cantores que querem se tornar famosos. Bem, pode até ser… Mas o objetivo do The Voice é mais ser um programa de TV do que lançar um novo artista com um sucesso arrebatador. Talvez isso explique o fato de poucos vencedores conseguirem realmente alcançar o estrelato quando o reality termina.

Já sabia de algumas dessas? Deixe o seu comentário!

Leia Também: