Curiosidades, História

Você sabe como o Papa é escolhido?

O Papa, também chamado de Santo Padre, é o líder mundial da Igreja Católica Apostólica Romana. O nosso atual é o Papa Francisco. Dentro da Igreja existe uma hierarquia organizada por níveis de responsabilidade e espiritualidade, composta pelos membros do clero: monges, padres, bispos, arcebispos, cardeais e o papa. O lugar mais alto da hierarquia é ocupado pelo Papa. Mas você sabe o que é preciso para chegar nessa posição? Vamos descobrir.

A eleição do Papa

Um novo Papa só é escolhido após a renúncia ou morte de um Papa anterior. Assim se dá o Conclave: todos os cardeais se reúnem no Vaticano, em um lugar fechado, para uma votação secreta para escolher o novo Papa. A palavra Conclave vem do latim e significa “em um lugar fechado”. Há um século o Conclave é realizado na Capela Sistina.

Leia também: Quantos Papas já existiram? 

Os cardeais são obrigados a manter segredo absoluto sobre tudo que tiver relação com o Conclave. Não podem se comunicar com o exterior por nenhum meio durante a reunião.

O novo líder da Igreja será escolhido pelo Colégio de Cardeais formado por 119 cardeais, todos com menos de 80 anos e com várias nacionalidades. Os cardeais recebem uma cédula para votar. Para ser eleito, é preciso receber dois terços dos votos mais um. Um conclave pode durar de dois a cinco dias.

Após contados os votos, as cédulas são queimadas com um produto químico, para produzir a fumaça branca ou cinza pela chaminé da Capela de São Pedro. A fumaça branca é produzida quando um Papa é escolhido. Depois do candidato aceitar a missão, imediatamente ele deve revelar o nome pelo qual deseja ser chamado. Se veste em uma sala chamada “Sala de Lágrimas”, um cardeal declara Habemus Papam no balcão do Vaticano e o mundo todo conhece o novo representante de Cristo.

Você sabia desses fatos? Conta pra nós!

Leia Também: