Connect with us

Hi, what are you looking for?

Curiosidades

O pirata Barba Negra realmente existiu?

Inúmeras histórias e relatos se passam nos sete mares. Porém, talvez as histórias mais emocionantes relacionadas às aventuras marítimas sejam as dos piratas. Quem não gosta de ouvir falar de Anne Bonny, Long Ben ou Black Bart? Mas há um pirata que parece se destacar entre todos eles. De quem estamos falando? Talvez o pirata mais famoso de todos: o Barba Negra!

Este pirata, de acordo com um relato britânico escrito seis anos após sua morte, “amedrontou a América mais do que qualquer cometa que apareceu lá por um longo tempo”. Mas Barba Negra desapareceu abruptamente quando uma expedição naval britânica financiada pessoalmente pelo então governador da Virgínia, Alexander Spotswood, o emboscou junto com a maioria de seus homens em uma sangrenta batalha na ilha de Ocracoke em 22 de novembro de 1718.

De fato, há muitas histórias sobre o Barba Negra. Mas será que ele realmente existiu? Afinal, as histórias sobre o pirata costumam parecer mais lenda do que verdade. Bem, embora alguns relatos sobre a sua trajetória pareçam ter sido exagerados, a história nos diz que Barba Negra, o pirata, era uma pessoa real.

Ao longo desse post, nós vamos explorar a origem e os feitos desse pirata que se tornou um ícone no ramo da pilhagem de navios.

Qual a origem do Barba Negra?

Pirata Barba Negra

Muito sobre o início da vida de Barba Negra permanece desconhecido. Muitos historiadores ainda estão incertos até mesmo sobre o seu nome verdadeiro! Ainda assim, a tese geral é de que ele se chamava Edward Teach. Às vezes, seu sobrenome era escrito como “Thatch” ou “Thack”.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Acredita-se que ele nasceu por volta do ano de 1660, mas de onde veio o Barba Negra também é motivo de debate. Durante muito tempo, foi falado que ele nasceu na Inglaterra ou nos Estados Unidos. Hoje, alguns acreditam que ele era da região da Jamaica. Assim, sua infância permanece sendo um completo mistério, até porque poucos historiadores tentaram rastrear a sua árvore genealógica.

Como foi a carreira pirata de Barba Negra?

Barba Negra

A carreira de Barba Negra como pirata é melhor documentada do que sua infância e juventude. Inicialmente, ele serviu em um navio britânico na Guerra da Rainha Ana. Quando a guerra terminou em 1713, ele se uniu a um pirata chamado Benjamin Hornigold.

Em 1717, o pirata em ascensão capturou um navio francês chamado La Concorde. A embarcação levava pessoas que haviam sido sequestradas na África para escravização nos Estados Unidos. O pirata deixou o povo escravizado e a maioria da tripulação do navio na ilha de Bequia em São Vicente e Granadinas. Ele, então, renomeou o navio Queen Anne’s Revenge (em portugês, “Vingança da Rainha Ana”).

A bordo do Queen Anne’s Revenge, Barba Negra e sua tripulação passaram a aterrorizar outros navios. Eles viajavam constantemente pela costa leste da América do Norte, incluindo o mar do Caribe. O pirata costumava hastear uma bandeira que mostrava um coração sangrando em um fundo preto. Ao lado do coração havia um esqueleto segurando uma ampulheta e uma lança.

Barba Negra liderou muitos ataques a navios mercantes. Ele e sua tripulação pirata roubavam carga e frequentemente prejudicavam os que encontravam a bordo. Dizia-se que o próprio Barba Negra era notavelmente forte e um lutador muito habilidoso.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Barba Negra cometeu muitos de seus crimes mais notórios na costa da Carolina do Norte. A partir de meados de 1718, ele decidiu atacar praticamente todos os portos do estado, incluindo o porto de Charleston. Às vezes, ele “apenas” cobrava pedágios de navios para uma passagem segura. Outras vezes, ele levava tripulações e cargas como reféns. Isso continuou por um longo tempo, sendo que muitos historiadores acreditam que o saqueador pagava ao governador da Carolina do Norte por ignorar seus crimes.

O fim do pirata

última batalha de Barba Negra

Como o governador Carolina do Norte fazia corpo mole nas tentativas de deter o Barba Negra, o governador da Virgínia resolver entrar em ação ao ver muitos navios sendo constantemente pilhados em seu estado. Ele enviou o tenente Robert Maynard para rastrear os passos do Barba Negra. Maynard e sua tripulação encontraram o pirata em novembro de 1718, dando início ao que seria o fim da temível carreira do pirata.

Como o navio Queen Anne’s Revenge havia sido destruído, Barba Negra estava agora em um navio chamado Adventure. Quando ele viu Maynard se aproximando, a batalha começou. A certa altura, a maioria da equipe de Maynard se escondeu embaixo do convés. Pensando que havia vencido, o pirata e sua tripulação embarcaram no navio de Maynard, mas logo foram surpreendidos por Maynard e seus homens. No final da luta, muitas pessoas morreram, incluindo o próprio Barba Negra.

Curiosamente, sua cabeça foi pendurada no gurupés da chalupa de Maynard, mostrando o orgulho do tenente em ter finalmente destruído o pirata. Hoje, muito do interesse na história do Barba Negra decorre de seu suposto tesouro perdido. Só que, como o pirata viajava por grande parte da costa atlântica dos Estados Unidos, as localizações exatas de suas supostas riquezas enterradas podem nunca ser descobertas. Por outro lado, muitos sequer acreditam que haja um tesouro enterrado pelo pirata.

Após a morte do pirata, a sua trajetória passou a ser romantizada, o que o transformou na principal inspiração para vários personagens em obras de ficção numa enorme variedade de gêneros.

Advertisement. Scroll to continue reading.

E você, já tinha ouvido falar no Barba Negra? Compartilhe o post e deixe o seu comentário!

+ Lidas da Semana

Advertisement

Leia Mais