Conecte-se conosco

Oi, o que você está procurando?

Curiosidades

Você sabe qual foi o pior caso de hiperinflação da história?

A atual situação econômica na Venezuela é desoladora. A taxa de inflação anual está ficando fora do controle e milhões de venezuelanos estão sofrendo para comprar itens básicos, como alimentos e produtos de higiene. A última vez em que uma hiperinflação de maneira tão avassaladora foi registrada ocorreu no Zimbábue entre os anos 1990 e 2000, quando o governo chegou a emitir notas de 100 trilhões de dólares zimbabuanos, que no final das contas tinha o valor real de 30 dólares americanos. Mas a hiperinflação do Zimbábue foi apenas a segunda pior da história, pois, acredite se quiser, um país já esteve em uma situação muito mais deprimente.

O pior caso de hiperinflação na história ocorreu na Hungria entre 1945 e 1946, quando os preços aumentavam a uma incrível taxa de quase 200% ao dia! Para se ter uma ideia, seriam necessários 16 zeros só para representar a inflação mensal da época.

A Hungria obteve sua primeira moeda após o desmembramento do Império Austro-Húngaro no final da Primeira Guerra Mundial. Ela se chamava “coroa húngara”, mas por ser se tratar de um governo economicamente quebrado e sem forças para promover a produção e o consumo, o valor da moeda rapidamente se descontrolou. Para deter a inflação, o governo decidiu se desfazer da coroa e introduziu o “pengo” em 1927. O pengo estava atrelado ao preço padrão do ouro e no começo até conseguiu se manter como uma das moedas mais estáveis ​​da Europa. No entanto, a Segunda Guerra Mundial devastou a economia do país de tal forma que após o conflito a moeda foi submetida a um bizarro processo de hiperinflação.

Uma cédula de 100 milhões de pengos.

O pengo não conseguiu se recuperar, levando o governo a ter a trágica ideia de imprimir uma quantidade absurda de cédulas e distribuí-las entre a população, pois eles acreditavam que poderiam pelo menos garantir que as pessoas tivessem dinheiro suficiente em suas mãos. No entanto, a grande quantidade de cédulas em circulação fez o dinheiro perder ainda mais o seu valor, já que o comércio precisava subir os preços para compensar a demanda e a oferta de produtos.

Durante o pico da hiperinflação, os preços chegavam a dobrar a cada 15 horas. O pengo continuou perdendo valor a uma taxa incrível, até chegar ao ponto de 460 trilhões de pengos corresponderem ao mesmo valor de 1 dólar americano em junho de 1946. Era tanto dinheiro sendo impresso que em determinados momentos o governo ficou até sem papel de boa qualidade para imprimir as cédulas.

Finalmente, em agosto de 1946, o governo abandonou o pengo e decidiu começar do zero. Uma nova moeda foi introduzida (o florim húngaro) e felizmente a situação econômica do país se estabilizou. Embora a Hungria tenha vivido novamente uma crise econômica nos anos 1990, essa última não chegou nem perto do caos de 1946, conhecido até hoje como o maior caso de hiperinflação da história.

Propaganda. Role para continuar lendo.

Que situação caótica, não é mesmo? Deixe o seu comentário!

Leia Mais

Curiosidades

Existem diversos animais domésticos espalhados pelo mundo e a maior parte deles, como bem sabemos são cães e gatos. Mas também sabemos que cuidar...

Curiosidades

Existem mais de 7.000 idiomas espalhados pelo mundo, são tantos que é completamente impossível saber de todos. Aqui no Brasil geralmente aprendemos nas escolas,...

Curiosidades

Embora os pelos faciais sejam uma das características mais marcantes do sexo masculino, você já deve ter percebido que alguns homens não conseguem ter...

Curiosidades

No passado, o conhecimento humano sobre as reações químicas não era tão profundo quanto é agora. Da mesma forma, os homens das cavernas não...

Curiosidades

James Bond é indiscutivelmente um dos agentes especiais mais populares da cultura pop. Desde a publicação inicial do primeiro romance de Ian Fleming em...

Curiosidades

Quando se escreve para um site de curiosidades, tudo acaba virando tema para post, até mesmo os mais bizarros que você possa imaginar. Eu...

Curiosidades

Ahhhhh, o Playstation 3… com esse console passei horas das minhas madrugadas acordado, jogando os mais diversos jogos. Eu fui ganhar o PS3 somente...

Curiosidades

O ritmo apressado dos tempos modernos fez com que nossas mentes passassem a ser simultaneamente ocupadas por muitas coisas. No entanto, para nossa sorte,...